Formulário Enviado

JointBee Logo

 

Cinco perfis de consumidores no mundo pós-Covid

As consultorias nacionais e internacionais vêm fazendo previsões e sugerindo novos comportamentos de consumo. Desta vez, a VCCP London é quem traça cinco perfis de consumidores no mundo depois da pandemia. 

De acordo com o relatório, o mundo pós-Covid vai gerar novas tribos ao longo de linhas psicológicas complexas, com grandes impactos de longo prazo no comportamento do consumidor.  

De acordo com o estudo, categorizações por renda, idade, gênero e comportamentos de categoria não são mais as maneiras mais confiáveis de se prever como diferentes segmentos de público pensarão o consumo. Isso porque os planos econômicos de incentivo ao consumo que acontecem em diversos países terão impactos financeiros e, principalmente, psicológicos combinados e moldarão os gastos não apenas pela renda, mas muito pela resposta emocional à pandemia. 

As tribos relacionadas no relatório “Ganhando na Recuperação” são: 

  1. GASTADORES POR COMPENSAÇÃO: consumidores que voltam com força, procurando compensar as experiências perdidas ou que sentem falta. Os Gastadores por Compensação, um segmento altamente lucrativo, têm necessidades relacionadas à libertação, escape, prazeres e experiências únicas. O mindset é de recuperar o tempo perdido, buscar recompensa moral, movidos por jargões do tipo “se houver outra pandemia” e “você só vive uma vez”. 
  1. PONDERADOS: têm dinheiro excedente para gastar, mas são temerosos da austeridade futura e imprevisibilidades. A tribo dos Ponderados, por sua vez, vivenciou insegurança no emprego, reduziu os gastos e no futuro necessitará de reafirmação, simplicidade e tranquilidade. Tenderá a gastar com necessidades e não com simples quereres. A mentalidade é de cautela, austeridade e “férias sem viajar”. 
  1. O “RECOMEÇO”: olhando para além da Covid, fazendo mudanças na vida que refletem questões maiores de clima e sustentabilidade. Os “recomeços”, por outro lado, terão uma abordagem consideravelmente menos hedonista para a era pós-Covid. Suas necessidades poderão ser supridas por marcas que focam na responsabilidade, autenticidade e facilitação de experiências positivas. O mote deles será “hora de agir”, levando em conta propósitos, compra consciente e equilíbrio de vida. 
  1. CAÇADORES DE RECOMPENSAS: sem muito dinheiro, mas procurando tornar a vida agradável novamente. Os Caçadores de Recompensas são um grupo que demonstra que a falta de dinheiro não é um indicador de falta de disposição para gastar. Não terão muito dinheiro, mas farão o que podem para terem uma vida o mais agradável possível. Eles estão ansiosos para ter a família por perto, churrascos no quintal e um retorno à vida social no bar. Buscam libertação, recompensas e topam comprar agora e pagar depois. A mentalidade desta tribo é de recuperar o tempo perdido, recompensa moral por um período complicado e “as regras não se aplicam a isso agora” quando o assunto é dinheiro. 
  1. OS “EM RECUPERAÇÃO”:aqueles que já enfrentavam dificuldades antes da pandemia e foram atingidos pelo desemprego. Estes agora têm oportunidades futuras reduzidas. O grupo que forma aqueles “em recuperação” já existia antes dos lockdowns e consistia em desempregados temporários e pessoas de baixa remuneração. Estas pessoas buscarão reafirmação, algum escapismo que possam consumir, terão grande empatia pelos demais e buscarão se reconectar e reconstruir. O mindset é de viver um dia após o outro, têm alto nível de exaustão e ansiedade – e buscarão restaurar a estabilidade logo. 

À medida em que a vida lentamente voltará ao normal, as marcas terão que navegar muito mais na complexa psicologia do consumidor. Isso pode significar que precisem repensar as ferramentas e canais que usam para ouvir seus clientes. A escuta social pode se tornar mais importante, enquanto as segmentações com base no valor bruto oferecem resultados menos úteis. E a JointBee está pronta para ajuda você nesta empreitada. Vamos seguir juntos? HANDS ON! 

© JointBee . Todos os direitos reservados.